Código de Ética - MaraBilhas de Vizela - Post do Ano 2006 - Post do Ano 2007 - Post do Ano 2008 - Post do Ano 2009 - Expectaculares Super-Produções deste blog

sexta-feira, maio 26, 2006

Houve recentemente uma greve na função pública à qual os tipos dos sindicatos fizeram uma avaliação de 70% de adesão à greve enquanto o Governo atribuiu apenas 9%.
Tentei compreender o porquê de tamanha discrepância e a conclusão é simples: o Governo não conta aqueles que não fazem nada para efeitos de greve.
Será por esta dificuldade em encontrar um consenso nos números que o país está com défice excessivo? Eu acho é que a culpa é dos estudantes porque não fazem descontos. É. Se calhar é isso.

1 comentário:

alma encarnada disse...

Desde que eu sou gente que a Função Pública ou está de férias, de ponte, doente, em formação ou de greve. Resumindo raramente um funcionário público está a trabalhar, portanto as estimativas do Governo estão certas...