Código de Ética - MaraBilhas de Vizela - Post do Ano 2006 - Post do Ano 2007 - Post do Ano 2008 - Post do Ano 2009 - Expectaculares Super-Produções deste blog

sábado, setembro 01, 2007

Obikwelu, até o azeite Oliveira da Serra ganha uma medalha de ouro...


(também gostei da estreia do Pepe na selecção. Tudo o que é naturalizado... andor!)

14 comentários:

BruN0 disse...

JASUS

josé manuel faria disse...

A curto prazo a selecção de futebol de Portugal será um misto planetário ou um Brasil C!!!

.:mÁrCiO:. disse...

Coitado do moço... ficou traumatizado!
Em relação às naturalizações... é uma opinião! Respeito, mas não concordo com a tua!

Pedro Pedrosa disse...

Completamente em desacordo... Brasil C que neste momento na nossa seleção temos 2 jogadores luso-brasileiros que tem lugar certamente a titulares na equipa A do brasil. Melhor jogador "portugues" de todos os tempos, também não nasceu em solo nacional nem sequer é português, mesmo na altura das colonias portugal e portugueses eram os que nasciam em territorio nacional, as colonias eram paises normais, e quem la nascesse tinha essa naturalidade, mas ninguém fala dessa naturalização que foi a primeira, e relembro é bem possivel, e ate acho que já é uma verdade por exemplo o DECO ja contribuiu bastante para a selecçao como jogador certamente tanto ou mais do que o eusebio, nao se esqueçam da carreira curta do eusebio. Tudo que for bom e vier de fora maravilha que venham, assim como espero ser bem recebido noutros paises também recebo bem ca os forasteiros.

ResgateSalta disse...

Vale tudo! No futebol e na política!
Os trabalhadores portugueses a emigrar e "descontar" para os cofres da Espanha, França, Suiça, Inglaterra, Alemanha, etc. e os dos Países de Leste a trabalharem em Portugal sem "descontos".
Uma anedota que reflecte o n/ governo:

ADN

Depois de um dia de conferências, muitos cientistas encontram-se no Bar do hotel. E ai contam as suas últimas conquistas científicas.

O australiano começa:

- Tivémos um fulano que foi atropelado e a única coisa intacta que tínhamos era o seu dedo mindinho. Pois, a nossa equipa conseguiu, pelo ADN, refazer a mão, um novo braço, um novo corpo!
O paciente ficou tão capacitado que ao ter alta, tirou o emprego de
cinco pessoas!

- Isso não é nada! - Diz o americano. Nós tivemos o caso de um operário que caiu no reactor atómico de uma central nuclear!
A única coisa que sobrou dele foi um cabelo. Pois pelo ADN dele conseguimos reconstituir completamente todo o seu
corpo. Depois de ter alta, esse paciente mostrou-se tão eficiente que cinquenta pessoas perderam o emprego!

O português pede a palavra:
- O caso que vou contar é muito mais interessante:
Um dia em que eu estava a andar pelo hospital senti o cheiro de um
peido...
Imediatamente, capturei-o num saco que levei até ao laboratório.
Chamei a minha equipe e começámos a trabalhar. Primeiro, a partir do
peido, fizemos um ânus, em seguida reconstituímos o intestino, e depois, pouco a pouco, todo o corpo e por fim o cérebro. O projecto desta criatura foi chamado José Sócrates e está a ter um desempenho tão fantástico que milhares de pessoas vão perder o emprego!!!

1/2Kg de Broa disse...

Eu sei perfeitamente o valor de alguns jogadores e profissionais e a contribuição dos mesmos para as selecções nacionais. Mas, se é a SELECÇÃO PORTUGUESA, implica que joguem nele os melhores portugueses. Aliás, não retirando mérito algum a tudo que o Scolari fez (não lhe aponto o dedo em quase nada) não concordo que o próprio treinador não seja português.
Entristece-me.

LOL, e é a primeira vez na História que um peido tira uma licenciatura.

josé manuel faria disse...

Caro Pedro Pedrosa;

Caso os 2 luso-brasileiros fossem tão bons à muito que teriam optado pelo Brasil A.

Eu não sou favorável ao direito de nacionalidade somente pelo sangue, longe disso, mas estou como o 1/2 kg, mete-me uma certa impressão portugueses com um sotaque cerrado brasileiro na nossa selecção. Só isso.

1/2Kg de Broa disse...

Não é uma opinião xenófoba, nem de longe, e não me refiro apenas a brasileiros, mas são eles quem mais pede a dupla nacionalidade, nem só ao futebol.

.:mÁrCiO:. disse...

Coitados dos franceses então...

Anónimo disse...

- Pedro Pedrosa compara Deco a Eusébio. Bolas!!!!

- Prof. José Manuel Faria escreve «à muito» em vez de «há muito». Palmatória.

- Resgate compara Socrates a um traque. Então e o Marques Mendes e o Cavaco e o Paulo Portas o que são? Arrotos?

Anónimo disse...

Atenção que eu li no rótulo duma Super Bock que esta cerveja já conquistou várias medalhas de ouro em campeonatos internacionais. E é nacional.

Anónimo disse...

Sobre os estrangeiros na selecção acho muito bem, quem sabe não vamos buscar nos próximos tempos um Drogba, um Kaka, o Raúl e outros. Afinal de contas os campeonatos da nossa Liga têm mais estrageiros q portugueses, igual dose na Volta a Portugal e noutras modalidades. É uma forma de dizer que os portugueses são bons apenas para exportar.

Pedro Pedrosa disse...

Isto de nacionalizações nao existe só no futebol, também no atletismo como todos sabemos, e também no andebol o melhor jogador de todos os tempos é se calhar viktor tchikoulaev, e sei que ele gosta bem mais de portugal do que certamente seu país de origem, de certeza que gosta mais de prtugal do que muitos portugueses que andam aí, assim como ele acredito que existam muitos outros, uma nacionalidade nao é questao de sangue, nem de nascer aqui ou ali, é uma questão de amor a sua patria, saber sua história, seus costumes, e colaborar para essa patria...

Eu cá sou natural de guimaraes, e odeio aquilo como tudo por isso é um pequeno exemplo...

josé manuel faria disse...

anónimo das 15h e 26 m, escrever Socrates em vez de Sócrates, erro de palmatória. Se o nosso PM sabe!!!