Código de Ética - MaraBilhas de Vizela - Post do Ano 2006 - Post do Ano 2007 - Post do Ano 2008 - Post do Ano 2009 - Expectaculares Super-Produções deste blog

sábado, abril 29, 2006

Um relatório recente da PSP/GNR (?) alerta para o facto de 91% dos acidentes de viação se devem a falha humana, 6% devido ao mau estado das vias e 2% estão relacionados com falha mecânica (o 1% que falta deve ser quando a culpa morre solteira...).
Eu não podia estar mais em desacordo. E vou dar-vos um exemplo simples que condradiz que os acidentes se devem essencialmente à falha humana.
Dirigindo tranquilamente o meu carro, ou seja, com o telemóvel na mão e um dedo no nariz, atento na acção de um automobilista que circulava à minha frente. Perto de um entroncamento (que para que não sabe, é o sítio onde o tronco se cruza) que se situava numa curva, o automobilista inicia uma ultrapassagem em cima da curva e do entroncamento, transpondo a linha contínua que separava os sentidos de trânsito. Termina a ultrapassagem apenas com a ajuda do condutor do automóvel que foi ultrapassado, que travou para que o primeiro voltasse à sua faixa de rodagem sem embater no automóvel que circulava em sentido contrário, que era nada mais nada menos que o da Brigada de Trânsito.

Caso houvesse um acidente a culpa de quem era? Do condutor? Nada disso, ele deu o pisca e tudo! Do carro da brigada, porque vinha de frente? Também acho pouco provável. A cupa é da estrada porque fazia uma curva...

1 comentário:

catarina disse...

ta tudo errado! a maioria dos acidentes sao causados por homens! é bem verdade. e tenho dito!
ja q tamos a falar de carros, aqui fica a pergunta:
se o preço do petroleo está cada vez mais alto porque q o preço das bananas nao aumenta?