Código de Ética - MaraBilhas de Vizela - Post do Ano 2006 - Post do Ano 2007 - Post do Ano 2008 - Post do Ano 2009 - Expectaculares Super-Produções deste blog

quarta-feira, novembro 01, 2006

Não há melhor que ser português. É uma experiência que só quem nasce nos Açores é que não sabe o que é. Portugal é o país terceiro-mundista mais rico que existe, mas para afastar a crise aqui vão as 10 coisas que os portugueses mais gostam:
1 - Tremoços/Amendoins - Também conhecidos como Tramoço e Mindoím, são o prato preferido dos portugueses. Sempre acompanhado de um fino fresquinho e um jogo de futebol. Está desmistificada a questão, quando alguém diz que é mais conhecido que os tremoços é porque essa pessoa é uma azeitona.
2 - Futebol - Não há melhor que deixar a mulher para ir para o café ou para o estádio ver a bola. Não é que ela não goste de ver futebol. Não! Mas os homens ficam envergonhados quando vêem futebol com elas, porque... elas conseguem dizer mais palavrões e chamar mais nomes ao árbitro que nós!
3 - Telemóveis - O portuga normal consegue decorar os nomes de mais de 40 sub-espécies de Nokias. Adora ter um telemóvel com um toque de uma novela da SIC e uma imagem do seu clube de futebol ou um coração como wallpaper. Tira fotos a bólides que passam na Póvoa e a si mesmo (com cara de mau, e de bonzinho) para depois pôr no Hi5. Portuga que se prese tem no mínimo 2 número de telemóveis (de operadoras diferentes) e sms à borla que envia sem cessar.
4 - Shoppings - Vão ao shopping ao domingo à tarde? Não. Conhecem alguém que vá ao shopping ao domingo à tarde? Não. Então os carros que estão a entupir o acesso ao edifício e o respectivo parque de estacionamento são dos putos que vão ao cinema de autocarro.
5 - Nicas - Merdinhas! É preciso espetar um prego, apertar um parafuso, colocar uma estante na parede, um cabide, serrar uma tábua, pregar uma tábua a outra. Fica uma merda! Tudo SEMPRE torto! [pelo menos cá em casa é assim - pensavas que te escapavas pai? Eu sei que tá a ler isto. E tás a ler agora! Vês como acertei? Pensavas que era sempre a minha avó a vir pá net... mas não!] (e depois de fazer os buracos, lixar a madeira, pregar qualquer coisa, deixar tudo fora do sítio e o pó - nem que seja em cima do fogão)

6 - Carros - Podemos ganhar o ordenado mínimo, mas gabamo-nos de ter visto um Hummer H2 ou um Aston Martin DB9 e falar dos 420cavalos do Audi R8 como se fosse nosso. [não vou falar dos tuning's]
7 - Obras - Não há melhor que umas obrinhas para passar o tempo. Se for em nossa casa, vamos espreitar por cima do ombro do trabalhador para ver o que é que ele está a fazer e ainda nos damos ao luxo de opinar sobre um trabalho que não percebemos. Se for na casa do vizinho rogamos pragas para que deixem de fazer barulho e para que não nos caia nada do andar de cima. Se for obras na estrada, passamos os semáforos vermelhos que estão junto às obras para seguir disfarçadamente atrás do carro que passou o amarelo.

8 - Acidentes com carro nas obras - Estamos nós à espera numa fila de 1Km porque há um acidente mais à frente. Depois de 50min à espera lá nos conseguimos aproximar dos carros acidentados que se encontram fora da faixa de rodagem. E ainda temos tempo de abrandar para ver os sinistrados e sacar do telemóvel para tirar uma foto para depois mostrar aos amigos o BMW todo espatifado e o Renault 11 sem uma amolgadela antes de ouvir 50 buzinadelas de carros que estão atrás de nós e também querem ver.
9 - Barriga de fora - porque a camisa de alças com o símbolo do Benfica e nódoa de tinto não chega para a cobrir, nos homens, e cintos apertados nas mulheres para que pareçam mais magras nas coxas, mas são como os homens porque se notam as banhas a "transbordar" como se fosse um bolo com muito fermento.
10 - Achar que somos os maiores - porque a selecção nacional ganha a outra de um país que tem um PIB 30 vezes superior ao nosso e tem "um défice orçamental" de ... -1,3.
Viva PORTUGAL!

10 comentários:

Papa disse...

muito bom....deste-lhe forte. Viva Portugal !!!

Mª do Resgate Salta disse...

Mais um ...Viva Portugal!

O Monarca disse...

A que Póvoa te referes? É que na minha pagas royalties sempre que falas nela! :p

A puta da cidade já começava a desenvolver-se para além da praia. Da nacional para este é só merdinha (mostly).

De resto, és aquela azeitona :p

Abraço!

jmfaria disse...

Um bom retrato de Portugal.

Nevrótica Aluada disse...

Estás muito “critiqueiro” Broa! ;)

O pessoal enrola a vida, coça a micose, mas é feliz assim. Dizem que a coisa é para se ir levando e nada como um bom regatoni da Ana Malhoa. =)

Quanto ao fenómeno dos parafusos, tenho a ligeira impressão que a minha figura paternal também é um expert em desvarios de bricolage e carpintaria.

Não sei porque… acho que o mal está no ADN tuga.

Palminhas, palminhas que gostei das tuas observações… :)))

1/2Kg de Broa disse...

Só tenho uma coisa a dizer: Eu contra mim falo.

Jorge Miranda disse...

Olha que as estantes da garagem nem estão muito mal...

1/2Kg de Broa disse...

Porque eu estava lá a ajudar!
;)

100 Sentidos disse...

Oh meu Deus! Toda a gente se conhece só eu é que não conheço ninguém. Olha essa a mim passou-me ao lado, mas o meu nvizinho de cima é capaz de concordar. Achas que lhe pergunte?

1/2Kg de Broa disse...

Curiosamente só 2 das pessoas que comentaram é que me "conhecem pessoalmente"!
Pergunta. Pergunta que vais ver que tenho razão.